Sistemas e Tecnologias

A Verdade que os Profissionais de Turismo Não Contam Sobre os Sistemas GDS

Maicon Santtos
Escrito por Maicon Santtos em 23 de julho de 2020
10 min de leitura
A Verdade que os Profissionais de Turismo Não Contam Sobre os Sistemas GDS
BAIXE O MATERIAL GRATUITO

Descubra como usar a internet para ganhar dinheiro vendendo passagens aéreas

Você sabe o que é GDS (Global Distribution System) e suas funcionalidades para as agências de viagens?

Neste texto eu vou te mostrar tudo que é necessário saber sobre esses sistemas no turismo!

O que eu vou mostrar aqui pode te fazer economizar muito dinheiro caso você tenha uma agência de viagens.

Mas antes, preciso te explicar o que é GDS e qual sua função no turismo.

Resumindo, o GDS é um canal global entre empresas e fornecedores de viagens tais como:

  • Agências de viagem.
  • Operadoras de turismo.
  • Consolidadoras de viagem.
  • Companhias aéreas.
  • Hoteis e Resorts.

Na verdade, o GDS possui inúmeras funcionalidades que facilita a operação de quem trabalha no setor comercial do turismo.

O GDS oferece em suas plataformas: 

  • Controle de preços e disponibilidade de voos.
  • Mecanismos de reservas online.
  • Comprar e comparar opções de reservas.
  • Cancelamento ou alteração de bilhetes.

Neste texto, vou mostrar as funcionalidades do GDS para discutir aqui se realmente é necessário um agente de viagens ter esse sistema em seu negócio.

Pela minha experiência, posso te afirmar que o GDS é mais interessante para as grandes agências de viagem.

Quer saber por que? 

Continue comigo e veja o que você entrará aqui:

Por que o GDS foi criado?

o que é gds no turismo, o que é gds amadeus, o que é sistema gds, o que é sistema gds, gds como funciona, o que significa GDS

A história dos sistemas de distribuição global remonta à década de 1960, quando começou a ser necessário um método mais eficiente para acompanhar os horários, disponibilidade e preços dos voos.

Tudo era muito lento na produção de dados para viagens, de forma que a relação entre agências e companhias aéreas era tudo por telefone.

Imagine a demora? 

É óbvio que isso atrapalhava muito a vida de quem precisava viajar.

Por isso, foi criado um sistema automatizado para aumentar a troca de informações e acelerar o processamento de dados entre os prestadores de serviços turísticos. 

O surgimento foi assim…

Em um voo de Los Angeles para Nova York, o gerente de vendas da IBM (a gigante da informática) descobriu que o presidente da American Airlines estava sentado ao seu lado. 

Por meio de uma conversa informal, falaram sobre a necessidade do desenvolvimento de um sistema mais efetivo para dinamização das malhas aéreas. 

Foi daí que surgiu a ideia que deu o fundamento e originou os sistemas GDS.

Portanto, as companhias aéreas perceberam que, ao automatizar o processo de reserva para agências de viagens, elas poderiam se tornar mais produtivas e aumentar o poder de vendas em escala.

Os 3 principais sistemas GDS são:

  • Travelport
  • Amadeus  
  • SABRE

Como funciona esses sistemas?

o que é gds no turismo, o que é gds amadeus, o que é sistema gds, o que é sistema gds, gds como funciona, o que significa GDS

Todo processo de reserva de passagens aéreas, antes da criação do GDS, demorava entre 1 hora e meia a 3 horas.

Como tudo era muito manual, o cliente esperava bastante tempo para receber a confirmação da sua compra e receber os bilhetes.

Porém, o sistema GDS evoluiu a partir desse processo manual de mão-de-obra exaustiva, visando facilitar os procedimentos e trocas de dados.

Hoje, podemos dizer que esses sistemas estão cada vez mais sofisticados para procurar as melhores viagens, acomodações e tarifas disponíveis para seus clientes. 

Os agentes podem fazer reservas de companhias aéreas e hotéis (em tempo real) para os clientes e concluir suas reservas em poucos minutos.

Além disso, os agentes recebem mensagens promocionais por meio desses sistemas.

Então, o agente pode acessar preços de pacotes de viagens sem muito esforço: tudo chega até você! 

Atualmente os GDS estão rodando em sites de grandes empresas, como Hurb (antiga Hotel Hurbano), Decolar, Viajanet, TripAdvisor…

Sua agência precisa do GDS?

o que é gds no turismo, o que é gds amadeus, o que é sistema gds, o que é sistema gds, gds como funciona, o que significa GDS

Imagino que você tenha ficado confuso.

Comecei o texto afirmando que sua agência de viagens não precisa do GDS para funcionar.

E depois te apresentei várias funcionalidades desses sistemas que são realmente interessantes.

Agora que vem o “segredo” que quero te contar, principalmente pra você que é iniciante. 

A maioria das agências de viagens não utilizam o GDS para vender aos seus clientes. 

Como assim, Maicon? Eu já tinha me convencido que a automatização gerada pelas GDS eram a solução para os meus problemas. 

Grande parte dos agentes de viagens que reservam passagens aéreas através de uma consolidadora

No vídeo abaixo, eu falo um pouco sobre 3 consolidaroras que podem ser parceiras em sua agência de viagens:

Sabe qual é o motivo que a consolidadora é a melhor opção pra você?

Simplesmente porque é mais rápido e fácil e, acima de tudo, a comissão pode ser maior.

No passado, muitas agências de viagens costumavam ganhar bastante dinheiro com os negócios feitos por meio do GDS – e algumas ainda o fazem. 

Com valores de comissão cada vez mais baixos, o uso do GDS para agências menores não vale a pena.

O GDS é bom pra quem?

o que é gds no turismo, o que é gds amadeus, o que é sistema gds, o que é sistema gds, gds como funciona, o que significa GDS

Certamente, as empresas de GDS estão mais integradas com agências gigantes, corporativas e consolidadoras. 

De maneira nenhuma o GDS perdeu sua relevância no meio turístico. 

Até porque, o inventário de produtos e demanda existente nesses sistemas são imensos.

Isso significa que as possibilidades de encontrar bons negócios por meio desses sistemas é real.

A grande questão é mesmo o preço. 

Para grandes agências, principalmente as que operam em larga escala, o GDS vale muito a pena.

Sabe por que?

Elas trabalham com um volume de vendas muito grande. 

Sendo assim, fica fácil para os gigantes do agenciamento colocarem uma margem de lucro pequena em cada produto e vender em grande escala.

Mas se você for um agente de viagens independente, esse não é seu caso.

Pois seu modelo de negócio é baseado em intermediações com consolidadoras, operadoras e outras agências. 

Esse é um assunto um pouco complexo de entender. 

O trade turístico tem um estrutura bem ampla com uma barreira de entrada baixíssima.

Isso significa que mesmo sem um sistema GDS, você pode vender turismo e lucrar até mais do que se usasse o sistema.

O Método Agência Express é um curso que pode te ajudar a entender melhorar essa cadeia comercial e abrir sua agência de viagem na internet.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com alguém!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Este site faz uso de cookies para analisar informações e te oferecer uma melhor experiência em nosso site.